Descubra os Melhores Métodos de Adequação NR 12

5 minutos de leitura

Escrito por Josue Evandro Conchi

Publicado em 4 de julho de 2019

A adequação NR 12 precisa ser feita e aplicada em todos os elementos de uma máquina industrial. Uma máquina pode ter inúmeros danos que podem ser pequenos ou maiores. Ela faz a projeção e instalação de dispositivos nos equipamentos que reduzam ou acabem com o perigo de acidentes.

Quando se faz a adequação NR12, cada máquina inevitavelmente precisa de elementos que façam as proteções corretas afim de resguardar operadores e outros trabalhadores que circulem próximos, de riscos de pontos de contato, peças giratórias, faíscas e lançamentos de resíduos.

A Norma Reguladora 12 (NR 12) foi criada visando cuidar da segurança de funcionários de uma empresa pelo Ministério do Trabalho, em 8 de julho de 1978. Ela em como objetivo estabelecer os critérios necessários buscando garantir a proteção dos trabalhadores que operam a máquina.

Ao adequar a NR12, é possível gerenciar a escolha certa, aquisição e utilização de práticas seguras de trabalho, análise e manutenção das máquinas e dispositivos instalados dentro de da indústria.

O programa de adequação NR 12 cuida de todos os setores que tenha qualquer atividade que possa resultar em ferimentos.

Quando é necessário a adequação NR 12?

A adequação deve ser sempre feita como forma preventiva em todas a indústrias e em todos os setores. Ela ajuda a manter uma boa imagem da empresa ao cuidar da segurança de seus funcionários.

Quando ocorre um acidente ocorre um plano de contenção de impactos negativos sobre a empresa. É nessa hora que os investimentos de redução de riscos de acidente mostram que a empresa fez o que podia para que o acidente não acontecesse.

treinamento e o conhecimento dentro da NR 12 são fundamentais na prevenção de acidentes. Ao conhecer a máquina e o processo, melhoram as chances de segurança se algo sair errado, garantem a qualidade e mantém uma boa imagem no mercado.

Para isso, a adequação exige a presença dos manuais disponíveis na consulta em português, além do treinamento indicado no anexo II, focando operação e manutenção.

Ela garante uma aplicação vantajosa na tecnologia da segurança, com equipamentos atuais, softwares, processos, etc.

O que abrange esta adequação da norma?

Um programa de adequação NR 12 deve, certamente, abranger:

1 – Impedimento de violação

As proteções das máquinas precisam ser seguras e fortes, impedindo a remoção ou violação. Desta forma, devem estar ligadas à máquina, exceto quando não for possível conectar à máquina.

2 – Barreira contra contato

Todas as proteções das máquinas precisam, portanto, da forma física que impeça que qualquer parte do corpo do operador fique na “zona de perigo”.

3 – Equipamento imediatamente sob qualquer risco

O operador precisa de acesso a uma botoeira de emergência, ou ainda, outro dispositivo que possa ser acionado rapidamente.

4 – Não criar novo perigo 

A adequação não deve se tornar um risco ao trabalhador. Assim, qualquer extremidade deve ser fixa ou aparafusada. E as proteções de máquinas, sobretudo, não devem atrapalhar a visão do operador.

5 – Permitir a lubrificação com proteções no lugar 

É preciso considerar que o operador possa lubrificar a máquina sem a remoção das proteções.

Assim sendo, a boa localização dos reservatórios de óleo deve reduzir a necessidade de entrar na área de risco.

6 – Não atrapalhar o funcionamento da máquina

Qualquer proteção que impeça a execução do trabalho de forma rápida e confortável precisa ser eliminada.

Um equipamento de proteção deve melhorar a eficiência do trabalho, com o intuito de aliviar preocupações ligadas a possíveis lesões.

Veja como fazer um plano de ação para a NR 12!

Métodos eficazes de adequação NR 12

Há 5 métodos importantes na adequação das máquinas que podem ser utilizados ​​buscando proteção dos trabalhadores que operam ou circulam próximos das máquinas. Sendo eles:

Método dos Dispositivos

É a limitação ou bloqueio ao acesso à uma área perigosa.

Alguns detectam a presença de pessoas próximas, controlam bimanualmente, permitem o acesso com uso de sensores de segurança, usam cabos de retração ou fazem restrição e controle no desarme de segurança.

Método de Localização da Máquina ou Distância 

Ele retira, de fato, o elemento de risco do ambiente de trabalho do operador.

Método das Barreiras

Ele consiste em manter barreiras físicas para evitar um contato direto. A barreiras podem ser fixas, intertravadas, ajustáveis ​​ou auto ajustáveis.

Mecanismos Automatizados de Alimentação e Ejeção

Eles impedem, sobretudo, a exposição do trabalhador na utilização de produtos fabricados.

Proteções Diversas

Contudo, há outras formas de adequação NR 12 que ajudam na proteção dos operadores e das pessoas próximas dos equipamentos operacionais.

Podem ser barreiras a fim de alertar as pessoas sobre os perigos em uma área; chapas para segurar limalhas, faíscas, sprays ou formas de detritos projetados; ou ainda, ferramentas para um operador manipular materiais que entram no ponto de operação.

Enfim, buscando garantir sua adequação a norma regulamentadora, você precisa da melhor ferramenta!

Confira o mais completo sistema de gestão de empresas, análises de risco, máquinas e inventários de acordo com a NR12 – Normatiza!

Materiais Gratuitos para a NR 12!

Confira todos os materiais criados pela Normatiza para engenheiros, técnicos e SST!

Comentários

Artigos relacionados