Querendo Saber Como Fazer um Plano de Ação da NR12? Leia isso!

3 minutos de leitura

Escrito por Josue Evandro Conchi

Publicado em 15 de agosto de 2019

A NR 12, Norma Regulamentadora 12, define as normas de segurança na utilização de máquinas e equipamentos nas indústrias. Ela cuida da saúde e integridade física no ambiente de trabalho. Assim, estabelecendo as condições mínimas de prevenção de acidentes no manuseio das máquinas e equipamentos. O plano de ação faz parte da NR 12!

Então descubra como fazer um excelente plano de ação aqui!

O que é o Plano de Ação da NR 12?

O Plano de ação não é um item obrigatório na NR 12. Ele ajuda na adequação das exigências da Norma Regulamentadora.

A fim de desenvolver um bom Plano de Ação, você deve encontrar as respostas:

  • O que é preciso fazer a fim de estar de acordo com todas as exigências da NR 12?
  • Como devo proceder para fazer as adequações necessárias?
  • Quem está qualificado a fim de cuidar dos procedimentos de adequação à NR 12?
  • Quando todos os procedimentos irão começar e quando serão concluídos?
  • Quanto em recursos financeiros e humanos é preciso a fim de cumprir o exigido?

Objetivos

O Plano de Ação NR-12 deve ser realizado por profissional adequado que possa definir os riscos aplicáveis. E assim, estabelecer quais as possíveis mudanças e a forma valida-la seguindo as especificações da NR-12 e as demais referências das normas pertinentes.

O Plano de Ação NR-12 tem por objetivo servir como uma ferramenta ao gerenciamento que possa alcançar a meta final de adequação das máquinas e equipamentos.

O documento deve ser objetivo, numerando as ações e respectivos itens que são aplicáveis nela. Isso, a fim de auxiliar a equipe de gestão e execução ao embasamento com o gestor no pleito de recursos junto à alta administração da empresa.

A estrutura deve conter um cronograma que indique os critérios de cada ação, auxiliando na cronologia de ações. Deve ser estabelecido uma maior urgência nas ações que procurem eliminar o grave e iminente risco.

Como colocá-lo em prática?

É muito importante planejar antes de começar a implementar as ações necessárias.

Desse modo, o melhor caminho é o desenvolvimento de um bom planejamento que permita a correta execução de todos os elementos da norma.

O melhor caminho na sua criação é seguir os seguintes passos:

    1. Faça o inventário, ou seja, o levantamento de todas as máquinas e equipamentos, junto com os dados de planta baixa da empresa;
    2. Realize um segundo levantamento com focados de forma individualizada das máquinas e equipamentos com destaque aos riscos, definição dos pontos críticos e criação de um cronograma de ação e os responsáveis por ela;
    3. Coloque as adequações para exigências da Norma de adoção nos sistemas de segurança. Que são fatores de risco de cada máquina / equipamento;
    4. Analise de forma crítica se os sistemas de segurança são adequados. Assim sendo atestados sob a responsabilidade técnica de profissional legalmente habilitado, com emissão de Anotação de Responsabilidade Técnica, ART;
    5. Elabore e coloque em prática procedimentos de trabalho e segurança de todas as atividades de rotina e as ordens de serviço das atividades com risco;
    6. Faça as capacitações e reciclagens de segurança dos mecânicos e operadores.

E então, gostou das nossas dicas? Agora veja mais sobre como fazer uma Análise de Risco para a NR 12!

Materiais Gratuitos para a NR 12!

Confira todos os materiais criados pela Normatiza para engenheiros, técnicos e SST!

Comentários

Artigos relacionados